Entrevista do Especialista

6 Perguntas

a Marco Harder

Diretor de Tecnologia e Desenvolvimento de Produtos

1. O que os clientes devem ter em atenção ao escolher a sua estanteria?

Uma estanteria deve ser concebida para ser flexível, ou seja, deve conseguir adaptar-se constantemente a diferentes condições do armazém. O cumprimento das medidas de proteção também é importante para que o armazém seja utilizado com segurança. Para isso, deve também haver uma manutenção e conservação regulares. Só assim a estanteria resiste às exigências ao longo do tempo. Com os seus inspetores certificados, a Jungheinrich oferece verdadeiro valor acrescentado relativamente à segurança. Tal como com o nosso modelo de negócio único que garante a qualidade constante em todos os locais de produção.

2. Quais são exatamente as suas responsabilidades na Jungheinrich?

Sou o responsável pelo portfólio de produtos de estanterias e equipamento de armazém na função técnica e também pela produção. Ou dito de maneira mais simples: eu e a minha equipa asseguramos que o equipamento de estanteria correto, incluindo os acessórios, chega ao cliente na hora certa e com a qualidade exigida. Além disso, a responsabilidade pelo desenvolvimento e pela engenharia estrutural também me cabe a mim.

 

3. Quais são os desafios diários na tecnologia de armazenamento?

Em relação ao cliente, a tarefa mais importante é compreender as suas exigências e implementá-las de forma ideal. Para que isso aconteça, fornecemos os documentos necessários ao departamento de vendas para explicar os vários tipos de armazém de forma simples e compreensível, de modo a recomendar o tipo de armazém que for melhor e mais bem preparado para o futuro de acordo com as exigências. Por outro lado, apoiamos o cliente na obtenção das autorizações necessárias. A situação das normas relativas a estanterias não se encontra regularizada de forma uniforme na UE, e como estão sempre a mudar, devemos manter-nos atualizados para que os nossos funcionários estejam totalmente informados e consigam acompanhar os nossos clientes de forma personalizada.

4. Quais os padrões de qualidade que a Jungheinrich define para as estanterias?

Estamos representados nas mais variadas associações de estanterias dentro da UE, onde utilizamos os padrões obrigatórios comuns à indústria. Ao nível da empresa damos mais um passo. A Jungheinrich assume um compromisso pessoal, indo além das normas reguladoras. O selo de qualidade RAL é um bom exemplo disso. Este selo simboliza o controlo e monitorização contínuos por um instituto independente. Não é dispensado de concursos públicos, no entanto muitos fabricantes não o incluem nas suas licitações. Para isso, gerimos um centro de testes sofisticado e independente na cidade de Norderstedt, onde realizamos até 10 séries de testes. Um outro ponto forte nosso é a competência em sistemas. Conhecemos cada desafio existente no armazém e temos a solução logística adequada para cada cliente, de modo a organizar o fluxo ideal de materiais. Estão incluídos não apenas estanterias, mas também máquinas e software.

 

5. Para o cliente, quão importante é a escolha de uma estanteria?

Infelizmente, não lhe dão importância suficiente. De qualquer das formas, trata-se do grande alicerce do armazém. Muitos começam a considerar a conceção demasiado tarde, sobretudo relativamente a novas construções de armazéns. Depois, continua a haver problemas com as entidades competentes porque faltam autorizações – estas são necessárias não só para a própria fábrica, mas também em alguns casos para as estanterias! Por este motivo, compensa falar com os nossos especialistas antecipadamente. Transmitimos a nossa experiência e temos frequentemente no portfólio um caso de cliente comparável e sabemos o que é necessário. Agora, muitas empresas que trabalham a nível global contratam os seus próprios especialistas em intralogística. Deste modo, podemos comunicar de uma forma igualitária, o que é ótimo para desenvolver soluções rápidas em áreas muito complexas. Já as pequenas e médias empresas agradecem se puderem confiar completamente em nós para nos delegar todo o processo.

 

6. A Jungheinrich não desenvolve só estanterias, mas apresenta-se também como um fornecedor de sistemas. Qual é a vantagem do ponto de vista do cliente?

Cada cliente pode ter a certeza de que obtém, a partir da completa variedade de possibilidades, a solução melhor e mais inteligente para ele. Não estamos presos a um único grau de automatização, podemos oferecer estanterias e empilhadores, podemos fazer o empilhador semiautomatizado ou o armazém completamente automático – o que fizer mais sentido. Somos nós que desenvolvemos os componentes mais importantes para que, como parceiro de soluções, possamos apoiar os nossos clientes a longo prazo e sem comprometer a implementação da sua visão da empresa. Assim, o cliente pode crescer connosco – é o que entendemos por «sustentabilidade».

«A Jungheinrich assume um compromisso pessoal, indo além das normas reguladoras.»