219 156 060 Linha direta de assistência
Formulário de contacto
Newsletter
Codorníu automatiza futuro com a Jungheinrich
03/18/2021

Codorníu automatiza futuro com a Jungheinrich

A Codorníu, produtora de cava e vinho de qualidade selecionou a Jungheinrich para automatizar o transporte de paletes na sua unidade de Sant Sadurní d'Anoia, no nordeste de Espanha.

Enquanto um dos maiores produtores mundial de espumantes, a Codorníu opera um total de 14 adegas. Para gerir o aumento de volume de produção, o seu fluxo de material parcialmente automatizado e digitalizado é apoiado por um sistema de transporte sem condutor (AGV), que garante sequências de transporte particularmente confiáveis e seguras para o processo.

A solução desenvolvida pela Jungheinrich para a Codorníu é uma combinação eficiente de armazenagem manual e automatizada, através do fornecimento de nove AGVs. O ERC 213a garante um transporte seguro e contínuo de mercadorias entre as estanterias individuais e os armazéns compactos, que conjuntamente detêm mais de 6.000 áreas de armazenagem. Os AGVs também garantem que as paletes sejam empilhadas e desempilhadas de forma ordenada.

Graças ao seu design compacto, o ERC 213a é ideal para trabalhar em corredores estreitos, podendo levantar cargas de até 1.300 kg a uma altura de elevação máxima de 3800 mm. O potente motor de elevação controlado eletricamente garante uma elevação e descida suaves e silenciosas - mesmo em alturas elevadas. Os veículos são dirigidos por um software de controlo. A navegação é feita através de tecnologia laser. Para isso, são instalados refletores ao longo da via (700 m de comprimento), que o ERC 213a utiliza para se orientar no espaço.

Para garantir a segurança em operações mistas com equipamentos manuais e pedestres, os AGVs são equipados com scanners de segurança pessoal que detetam obstáculos e pessoas, parando o equipamento se necessário.

A solução de automação da Jungheinrich opera como um sistema conectado. O novo AGV é facilmente integrado no Warehouse Management System (WMS) existente na Codorníu através de um interface logístico, o que permite uma comunicação eficaz entre os colaboradores e o equipamento de movimentação de carga, garantindo processos de armazenamento transparentes.

Ao mesmo tempo, a avançada tecnologia de iões de lítio garante altas taxas de movimentação e disponibilidade máxima, já que os AGVs são equipados com funções de carregamento automático. O AGV automatiza tarefas de rotina padronizadas, permitindo que a Codorníu distribua a sua equipa com mais eficácia. Isto significa uma enorme economia de tempo e custos, para além do uso racional de recursos.

Tem alguma questão?